J. Velloso - Meu Amigo
(Roberto Mendes e J. Velloso)
CD: Aboio Para Um Rinoceronte 2004

MEU AMIGO

(Roberto Mendes e J. Velloso)   

Meu amigo

Preciso ir

Arte difícil

Curva da estrada me espera

Na sombra da tarde calma

 

Faces perpétuas não esmorecem ao sol

Esperança e danação se fundem

Viver é preparar-se para deixar de viver

 

Pecar é ver sentido nos castigos

No meu fraco entender

 

A asa negra roça nossa pele, ri e parte

Parte-nos ao meio

A voz fraqueja até ficar sem voz

Faltar o bafo

 

Mas no mato no fundo na nossa casa

O araçá cresce sozinho

E a gente corre, colhe, come e canta

E as aves mudas passam

Acompanhe J. Velloso pelas redes sociais:

  • Facebook - White Circle
  • spotify
  • YouTube - White Circle
  • d46fce_32cf82ff1c0a455d93890d7872d1c082-mv2
  • Instagram - White Circle

Site desenvolvido por Mirella Medeiros.