AMPARADOS 

(Jorge Vercillo e J. Velloso)

Dormir com você
É um ritual sagrado
É não estar abandonado por Deus
Suspenso no ar amparado
Dormir com você
É sentir o prazer do prazer

É sonhar acordado
 

Eu sonho contigo dos tempos

Da cana de açúcar
No escuro do engenho
Eu tampo sua boca com a minha
Eu te rendo na moenda
E levanto a sua saia
Oh filha mais bela

Do sangue dos reis da Nigéria
Comprei seu silêncio

Deixando no ar ameaças
Mas eu nunca percebi

Você já esperava ali por mim

 

Dormir com você
É um ritual sagrado
É não estar abandonado por Deus
Suspenso no ar amparado
Dormir com você
É sentir o prazer do prazer

É sonhar acordado

Alheias a mim e a você
Replicam notícias, protestos na televisão
Nem a queda da bolsa,

Nem mesmo mais uma explosão
 

Só pelo lazer do prazer
Por entre suas pernas
Eu sigo entre seios e mãos
Alcançamos o gozo e ali mesmo apagamos

No vácuo da imensidão


Sonhamos pra frente

A quase mil anos futuros
Quando o ser humano

Gerou oceanos em Marte

E divide com outros seres

Duas luas do sistema


Nós rimos da fome, da guerra

E dos tempos escuros
Quando nossa gente até

Escravizou a si mesmo
Mas é hora de acordar

O despertador já vai gritar

Jorge Vercillo - Amparados
(Jorge Vercillo e J. Velloso)
CD: Vida é Arte, 2015

Acompanhe J. Velloso pelas redes sociais:

  • Facebook - White Circle
  • spotify
  • YouTube - White Circle
  • d46fce_32cf82ff1c0a455d93890d7872d1c082-mv2
  • Instagram - White Circle

Site desenvolvido por Mirella Medeiros.