ABIÃ

(Ulisses Castro e J. Velloso)

 

Eu fui brincar

De me banhar

Nas águas de Oxalá

Fresca abiã

Fui despertar

Com a espada de Iansã

Na camarinha

Meu mundo vinha

Nas ondas mais azuis

No pensamento

Só o desejo

De encontrar minha luz

 

Dormi sobre esteira sagrada

Êrê iêiê ô

Despertei nos braços de Oxum

Êrê iêiê ô

Aprendi meus preceitos calada

Como as águas de Oxum

Me vestiram com pérolas douradas

Êrê iêiê ô

Esse brilho tomou conta de mim

Êrê iêiê ô

Agora vou ter vida encantada

Como as águas de Oxum

 

No barco que eu entrei

Sempre quis navegar

Encontrei minhas leis

Lá nas conchas do mar

Carlos Barros - Abiã 
(Ulisses Castro e J. Velloso)
CD: Cantiga vem do Céu, 2009

Acompanhe J. Velloso pelas redes sociais:

  • Facebook - White Circle
  • spotify
  • YouTube - White Circle
  • d46fce_32cf82ff1c0a455d93890d7872d1c082-mv2
  • Instagram - White Circle

Site desenvolvido por Mirella Medeiros.